top of page

Live: Moda & Sustentabilidade

Participei de uma live sobre moda e sustentabilidade no canal Mulheres do Brasil.



A Segunda Sustentável é uma ação da Causa Sustentabilidade para a Convenção Mundial do Grupo Mulheres do Brasil. Vamos debater temas sobre sustentabilidade principalmente relacionados à agenda 2030 da ONU.


Neste encontro Eloisa Artuso e Natália Adachi se juntam na roda de conversa para contar um pouco sobre como a indústria da moda vem se desenvolvendo de uma forma mais sustentável para melhorar a condição de trabalho das mulheres e reduzir poluição e desperdícios.


Eloisa trabalha com justiça socioambiental na intersecção entre clima, gênero e moda. É pesquisadora, educadora e designer estratégica. Cofundou a Febre, uma plataforma de pesquisa, estratégia e conteúdo multimídia, onde atua como diretora executiva, e o Fashion Revolution Brasil, maior movimento de ativismo da moda do mundo.


Natália é designer de moda, pós-graduada em gestão e marketing. Trabalhou como gerente de um dos maiores e mais antigos brechós do país durante 9 anos. Criou a empresa Guru de Brechó para ajudar donas e futuras donas de brechó.


🧵Você sabia que na indústria da moda as mulheres estão em uma posição de maior vulnerabilidade e expostas a diversos tipos de exploração?


🏭 A indústria da moda é uma das maiores poluidoras do mundo.


Nesta live falo também sobre alguns dados:


- Tecidos virgens (criação de novos tecidos) aumentou 10X entre 1960 e 2018. - A utilização de roupa (o número de vezes que uma roupa é usada) CAIU 36% comparado há 15 anos atrás. - Em geral as marcas de moda produzem 40% a mais do que vendem.” - The OR Foundation


💦 20% das águas residuais globais, são causadas por processos de tingimento e acabamento na indústria da moda, que usa 93 bilhões de metros cúbicos de água anualmente - o equivalente a 37 milhões de piscinas olímpicas. ☠ 25% da produção global de pesticidas, que assim como os químicos do tingimento, também podem afetar o solo e a água potável.

🌎 E só pra lembrar 97% dos têxteis usados na moda vêm de fontes virgens e não renováveis, são 89 milhões de toneladas por ano. Além disso, se consome óleo para produzir fibras sintéticas, fertilizantes para cultivar algodão e muitos químicos para acabamentos e tingimentos. 📚 *FONTE de estudo: Ellen MacArthur Foundation


Segundo uma pesquisa da WRAP feita em 2020:

- Os EUA doam a maioria das roupas para outros países. - 70% das doações globais de países como EUA, Canadá e UK vão para a África. - 25% das roupas doadas vão direto para aterros, 40-50% vão para o mercado de segunda mão - Mas 40% dessas doações para África, vão direto para o aterro, pois não são “usáveis”.


Esses são alguns dados do mercado de moda e no próximo post vou publicar dados sobre consumidores e mercado de brechós.


Me siga no Instagram para dicas e conteúdo diário sobre moda sustentável, circular e brechós: https://www.instagram.com/gurudebrecho/


Natália Adachi @gurudebrecho

Transformando brechós em empresas!

Comments


bottom of page